Categoria: Destaque

SJ pede audiência ao presidente do PSD

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) pediu uma audiência ao presidente e líder da bancada parlamentar do PSD, Rui Rio, para lhe transmitir o relato e o retrato das crescentes debilidades da comunicação social a nível nacional e regional.   A crise dos media, que já não era nova, agravou-se nos últimos meses com a pandemia da covid-19, pelo que foi com uma expectativa positiva, apesar de a considerar manifestamente insuficiente, que o SJ encarou a decisão do Governo, de 17 de abril, de antecipar as verbas já previstas para publicidade institucional – que, até ao dia de hoje, não chegaram… ler mais

API, CNID, CCPJ e SJ propõem comissão de acompanhamento à Liga de Futebol

A Associação Portuguesa de Imprensa (API), o CNID – Associação dos Jornalistas de Desporto, a Comissão da Carteira Profissional de Jornalista (CCPJ) e o Sindicato dos Jornalistas (SJ), reunidos no dia 22 de julho, sugeriram a criação de uma comissão de acompanhamento conjunta com a Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que se mostrou recetiva à proposta.

SJ participa no forum sobre financiamento do jornalismo e media regionais na UBI

O Sindicato dos Jornalistas participa amanhã no forum sobre "Financiamento do Jornalismo e dos Media Jornais, comunitários e de proximidade", que decorre na Faculdade de Artes e Letras da Universidade da Beira Interior. A iniciativa é organizada pelo Re/media.Lab – Laboratório e Incubadora de Media Regionais, atento à crise vivida no sector. O objectivo é fazer deste debate "um momento de diálogo entre organismos públicos e privados, do governo às empresas jornalísticas de âmbito regional, bem como outros participantes que se queiram associar". O programa e inscrições estão disponíveis aqui.

SJ condena ação de Joacine Katar Moreira

O Sindicato dos Jornalistas ( SJ) não compreende a atitude hoje tomada pela deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, de pedir proteção à GNR, dentro da Assembleia da República, de forma a impedir os jornalistas de a questionarem. A decisão da deputada atenta contra a liberdade de imprensa e revela uma prática anti-democrática tomada dentro da própria Casa da Democracia. Os jornalistas têm direito a exercer a sua profissão, a qual implica o acesso a fontes e protagonistas das notícias, através da colocação de perguntas. A atitude da deputada do Livre é grave e não se coaduna com o cargo… ler mais

SJ assinala Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) associa-se à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ) no Dia Internacional pela Eliminação da Violência contra as Mulheres e incentiva as organizações mediáticas e as associações profissionais de jornalistas em Portugal a tomarem medidas concretas para erradicar a violência e o assédio, nomeadamente on-line. Os empregadores de media têm o dever de garantir um local de trabalho seguro e fornecer um mecanismo sólido para que as mulheres denunciem e sejam protegidas quando sujeitas a abuso online. O SJ quer deixar claro que as mulheres jornalistas portuguesas sujeitas a abuso não estão sozinhas e solidariza-se aos 16… ler mais

Conferência: Financiamento dos Media

O jornalismo é um pilar fundamental da democracia, um compromisso com a liberdade e a independência, a pluralidade e a diversidade, a dignidade humana e o bem-estar social. O jornalismo não se reduz ao dever de informar, cabendo-lhe escrutinar os poderes, vigiando-os, assacando-lhes responsabilidades, denunciando promessas não cumpridas. Porém, esta é uma missão sob ameaça – pelo desemprego, pela precariedade, pela excessiva concentração. As dificuldades de sustentabilidade do setor põem em risco a independência do jornalismo. É, por isso, urgente debater o tema do financiamento dos media em Portugal. O Sindicato dos Jornalistas convoca todos – o Estado, as empresas,… ler mais

SJ solidário com trabalhadores da TSF

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) reitera  o seu  apoio à luta dos trabalhadores da TSF, que  decidiram dar um prazo  aos acionistas do Global Media Group (GMG) para  esclarecerem a anunciada reestruturação do grupo, a qual contestam, a situação financeira do mesmo, os motivos que levaram à demissão do diretor da rádio, Arsénio Reis, e ainda o plano traçado para o futuro da rádio.   Findo esse prazo, os trabalhadores admitem recorrer a diversas formas de luta, incluindo a greve. A decisão,  tomada em plenário  a 15 de novembro, decorreu da “instabilidade criada com a referida reestruturação do GMG, ao qual pertence a TSF, agravada por… ler mais

Sindicatos exigem o reforço da Autoridade para as Condições do Trabalho

Os Sindicatos filiados nas duas Centrais Sindicais, Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional (CGTP-IN) e União Geral de Trabalhadores (UGT), e o Sindicato dos Jornalistas, independente, que, juntos, representam mais de um milhão de trabalhadores/as, vão apresentar um Manifesto sobre a Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT), que reivindica uma ação célere e eficaz deste organismo fundamental para assegurar a proteção dos direitos dos/as trabalhadores/as. O documento "POR UMA ACT MAIS EFICAZ NA GARANTIA DOS DIREITOS LABORAIS", presente no final da notícia, e será entregue formalmente pelas três entidades subscritoras à ministra do Trabalho e à Inspetora… ler mais

Grande maioria dos assassínios de jornalistas fica impune

Cerca de 90 por cento dos responsáveis por assassínios de jornalistas registados entre 2006 e 2018, em todo o mundo, nunca foram punidos, segundo a agência da Organização das Nações Unidas para a Cultura, a Educação e Ciência (UNESCO). O relatório da UNESCO – publicado no âmbito da jornada internacional para o fim da impunidade para os crimes cometidos contra jornalistas, que se assinala a 2 de novembro – contabiliza 1.109 jornalistas assassinados no mesmo período, apontando os Estados árabes como o espaço geográfico onde se registaram mais mortes, representando 30 por cento do total, seguindo-se América Latina e Caraíbas… ler mais