Reportagens feitas por estudante de jornalismo
Artigo

Em resposta à consulta do Conselho de Redacção de um periódico cujo director o consultara sobre a publicação de um conjunto de trabalhos feitos por estudantes de jornalismo, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas foi de parecer que tal publicação só deveria efectuar-se com um enquadramento perfeitamente esclarecedor para o público.… Ler mais

Conferências de imprensa disfarçadas para excluir
Artigo

Perante a eventualidade (sobretudo na área desportiva) de conferências de Imprensa travestidas de declarações por «convites» com o evidente objectivo de excluir jornalistas ou orgãos de informação, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas recomenda o comportamento a seguir.… Ler mais

Colaboração por avença em publicação municipal
Artigo

Consultado sobre a eventual incompatibilidade do exercício da profissão de jornalista com as de colaborador/redactor de uma publicação municipal, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas elaborou um parecer em que realça como valor a acautelar a independência do jornalista, por forma a que o mesmo não possa ser acusado de escrever «por conta de…»… Ler mais

Identificação de jornalistas pelo nome profissional
Artigo

A duplicação de nomes de jornalistas ou a sua deficiente identificação, gerando confusões de que, oportunisticamente, alguns se aproveitam com desprestígio para todos, determinou o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas a recomendar o procedimento adequado.… Ler mais

Os cidadãos comuns têm direitos a respeitar
Artigo

Perante um conjunto de situações em que cidadãos comuns foram submetidos a pressões de jornalistaqs que não respeitaram o seu direito à imagem, ao bom nome e à reserva da intimidade, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas considerou-se na obrigação de formular doutrina numa recomendação a propósito.… Ler mais

Fronteiras entre informação e publicidade
Artigo

Em resposta ao pedido de esclarecimento de um jornalista que manifestou relutância em participar num trabalho de «informação comercial», o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas emitiu um parecer em que definiu as fronteiras entre informação e publicidade.… Ler mais

Subjornalismo e devassa da intimidade
Artigo

A propósito de um conjunto de manifestações subjornalísticas de devassa da intimidade, veiculadas sob o pseudónimo «Dantas» no «Semanário», o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas decidiu tornar pública a sua posição de repúdio não só por esta forma de antijornalismo, mas também pelo antijornalismo dos que lhe deram repercussão.… Ler mais

Votações pelo telefone mascaradas de sondagem
Artigo

Perante a frequente realização de passatempos radiofónicos e televisivos, mediante votações pelo telefone mascaradas de sondagens, inquéritos e consultas à opinião pública, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas achou-se na obrigação de esclarecer publicamente o assunto com uma recomendação.… Ler mais

Utilização abusiva de trabalhos de agências
Artigo

Na análise de um caso que lhe foi apresentado, mas que se sabe ser paradigmático de uma situação infelizmente frequente, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas recomenda o procedimento a seguir na transcrição de despachos de agências noticiosas, considerando que fazê-lo com outra assinatura assume características de plágio.… Ler mais

Subordinação de jornalistas a não jornalistas
Artigo

Analisando um caso concreto ocorrido na agência Lusa e que lhe foi apresentado pelo respectivo Conselho de Redacção, o Conselho Deontológico do Sindicato dos Jornalistas emitiu um parecer reconhecendo que os jornalistas podem e devem exigir que quem editorialmente os enquadre esteja habilitado com título profissional ou de equiparado.… Ler mais