Jornalistas distinguidos com Prémios Gazeta

O cartunista António e os jornalistas Victor Bandarra, Ana Luísa Rodrigues, Virgílio Azevedo, Mário Rui Cardoso, Diogo Cardoso, Sofia da Palma Rodrigues, Paulo Novais e Ricardo Esteves Ribeiro são os distinguidos com os Prémios Gazeta 2018, bem como o trimensário “Notícias de Gouveia”, que recebeu a distinção Gazeta de Imprensa Regional.

O júri dos Prémios Gazeta 2018 realçou a qualidade dos trabalhos em “tempos especialmente adversos para o exercício do Jornalismo”.

O Sindicato dos Jornalistas saúda e parabeniza os e as profissionais que receberam esta distinção. O Jornalismo de qualidade é essencial em qualquer sociedade democrática.

Veja todas as distinções:

Prémio Gazeta de Mérito – António, cartunista do Expresso, cujo desempenho na profissão, iniciada em 1974, é amplamente reconhecido. Autor de desenhos polémicos, como o do preservativo no nariz do Papa João Paulo II, de 1992, e o publicado em abril passado no New York Times, que apresentava Donald Trump conduzido por um cão com a cara do primeiro-ministro de Israel, é um jornalista com créditos firmados.

Gazeta de Televisão – Victor Bandarra (TVI) e Ana Luísa Rodrigues (RTP), ex-aequo. O primeiro, pela reportagem “Ciganos – uma longa sina”, emitida em duas partes na rubrica “TVI Repórter”, do Jornal das 8, a 29 de janeiro e a 4 de fevereiro de 2018, que quebra preconceitos e ideias feitas sobre a comunidade. O trabalho de Ana Luísa Rodrigues, “Deportados para Outro Mundo”, é a primeira grande reportagem que em televisão aborda as estórias de portugueses que passaram por campos de concentração nazis, deportados a partir de França. Emitida na RTP 3 a 11 de maio de 2018.

Gazeta de Imprensa – Virgílio Azevedo (Expresso), graças à “Investigação na Ilha Terceira – Contaminação nos Açores”, que deu origem a sete peças publicadas na versão impressa, entre 10 de março e 21 de abril, e a mais seis no Expresso Online, a última das quais a 14 de setembro de 2018. Incide sobre o impacto da contaminação de solos e aquíferos pela Base das Lajes na saúde e na qualidade de vida da população.

Gazeta de Rádio – Mário Rui Cardoso (Antena 1) pela reportagem “Teremos Sempre Paris”, transmitida na Antena 1 a 2 de maio de 2018. Evocativa do 50.º aniversário do Maio de 68, em França, associa sons da época a um conjunto de depoimentos, maioritariamente de portugueses anónimos que testemunharam os históricos acontecimentos.

Gazeta de Multimédia – Diogo Cardoso e Sofia da Palma Rodrigues (Divergente), autores da reportagem “Terra de todos, terra de alguns”. Realizada em Moçambique, sobre o efeito de investimentos agrícolas na vida de milhares de camponeses, subitamente privados das suas propriedades. Inserida na plataforma digital a 12 de julho de 2018, contou com uma versão impressa no Público e uma versão televisiva na RTP África.

Gazeta de Fotografia – Paulo Novais (Agência Lusa), por uma fotografia de Marcelo Rebelo de Sousa,captada na praia fluvial de Mosteiro (Pedrógão Grande), durante o périplo que efetuou no ano passado pelas regiões fustigadas por incêndios em 2017. A imagem integrou a galeria “Os 1001 mergulhos do Senhor Presidente”, disponibilizada a 29 de agosto de 2018 na edição digital do Público.

Gazeta Revelação – Ricardo Esteves Ribeiro (Fumaça), pela série áudio-documental “Palestina, histórias de um país ocupado”, disponibilizada na plataforma digital em seis episódios, entre 15 de maio de 2018 e 2 de agosto de 2018. O trabalho, gravado entre Ramallah, Hebron, Belém e Jerusalém, dá voz a quem resiste à ocupação israelita, com a indispensável contextualização histórica.

Gazeta de Imprensa Regional – Notícias de Gouveia, trimensário com 105 anos. Propriedade da Associação de Beneficência Popular de Gouveia, apresenta-se como “defensor dos interesses da região e almeja constituir, segundo o Estatuto Editorial, um “forte elo de ligação entre as muitas comunidades de gouveenses espalhadas pelo território nacional e no estrangeiro”.

O Júri dos Prémios Gazeta 2018 teve a seguinte composição: Eugénio Alves (CJ), Cesário Borga (CJ), Eva Henningsen (Associação de Imprensa Estrangeira em Portugal), Fernanda Bizarro (Freelancer), Fernando Correia (jornalista e professor universitário), Elizabete Caramelo (professora universitária), Fernando Cascais (professor universitário e formador do CENJOR) e Paulo Martins (jornalista e professor universitário).