Prémio Jornalismo: Lançada distinção para trabalhos sobre AVC

A Portugal AVC (PT.AVC – União de Sobreviventes, Familiares e Amigos) acaba de lançar um prémio para incentivar trabalhos jornalísticos sobre a realidade de quem sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC).

A distinção agora criada prevê três escalões de prémios. Os trabalhos vencedores receberão 2.500 € (televisão), 1.000 € (rádio) e 1.000 € (imprensa, papel e/ou digital).

Embora o lançamento do prémio tenha sido adiado devido à pandemia de covid-19, a associação decidiu avançar agora com o novo galardão porque os problemas dos doentes, com o acesso à reabilitações ainda mais dificultada, se agravaram com o surto de coronavírus e o consequente Estado de Emergência.

A distinção surge para chamar a atenção para aquela que é a primeira causa de morte – e de incapacidade – em Portugal. Um dos objetivos do prémio é chamar a atenção para a questão da reabilitação, essencial para a sobrevivência e recuperação dos doentes, e que está muitas vezes vedada ou é de acesso demasiado tardio para as vítimas de acidentes vasculares cerebrais.

Os trabalhos a concurso devem ser entregues à Portugal AVC em formato eletrónico (info@portugalavc.pt) até ao dia 30 de abril de 2021.

O regulamento pode ser consultado aqui