Comentários de ministra violam direitos de jornalista romeno

O sindicato de jornalistas romeno MediaSind e a Federação Internacional de Jornalistas (FIJ) acusam a ministra da Justiça da Roménia, Monica Macovei, de violar os direitos do jornalista Sorin Rosca Stanescu, director do jornal “ZIUA”, por ela ter questionado publicamente o direito do jornal a criticá-la.

Ambas as organizações consideram “perturbadora e inadequada” a sugestão feita pela ministra de que Stanescu e os seus colegas de jornal deviam refrear-se nas críticas ao Ministério da Justiça devido ao facto de o director do “ZIUA” ser arguido num processo que está actualmente a decorrer e no qual é acusado de ter usado informação confidencial.

O comentário não agradou a muitos jornalistas romenos, pois parte do princípio de que Sorin Rosca Stanescu é culpado e pode ser interpretado como uma forma de pressão sobre os juízes que vão apreciar o caso, já que estes são indicados pelo Ministério da Justiça.