Jornalistas europeus solidários com luta da RTVE

Os trabalhadores do serviço público de rádio-televisão de Espanha (RTVE) receberam dos jornalistas europeus mais um expressivo apoio à sua luta em defesa dos postos de trabalho, enunciado numa moção aprovada por unanimidade, este fim-de-semana, na Assembleia Anual da Federação Europeia de Jornalistas reunida em Bled, na Eslovénia.

A moção – apresentada pelo Sindicato dos Jornalistas (Portugal), pela FNSI (Itália), pelo SNJ e pelo SNJ-CGT (França) -, repudia o plano de liquidação de 3133 postos de trabalho na RTVE, responsabiliza o governo de Madrid pela situação financeira da empresa e apela a todos os sindicatos membros da FEJ para que apoiem a luta dos seus congéneres espanhóis por um forte serviço público de rádio-televisão.

O documento pede ainda ao comité Executivo da FEJ que pondere o envio de uma delegação a Madrid para manifestar junto das autoridades espanholas o firme repúdio de todos os jornalistas europeus pelo referido plano.


Ficheiros em Anexo