Jornalismo para a cidadania em análise no Observatório de Deontologia do Jornalismo

Na edição n.º 5 do Observatório de Deontologia do Jornalismo, hoje divulgada, o responsável pelo Gabinete Jurídico do Sindicato dos Jornalistas, dr. Serra Pereira, traça o quadro que hoje predomina nas redacções, advogando que o mesmo reflecte um retrocesso quer no plano das condições laborais e sociais quer no da liberdade de expressão.

O “jornalismo para a cidadania exige que os jornalistas tenham para tanto asseguradas condições adequadas, entre elas a qualificação e a permanente formação, autonomia editorial, estabilidade na relação de trabalho e retribuição condigna”, afirma Serra Pereira na entrevista concedida ao Boletim do Conselho Deontológico, sublinhando que o exercício do jornalismo está hoje mais dependente do contexto da actividade empresarial e das estratégias e políticas impostas pelos patrões da comunicação social.


Ficheiros em Anexo