Greve no “Il Giorno” pelo direito de reunião

A quase totalidade da redacção do jornal italiano “Il Giorno” fez greve a 4 de Fevereiro, depois do director Giovanni Morandi ter tentado impedir uma reunião convocada pelo comité de redacção para discutir a situação no grupo Poligrafici Editoriale, na sequência de um comunicado emitido pela empresa.

Segundo o comité de redacção, a adesão ao protesto foi de 97 por cento e a assembleia extraordinária pretendida pelos jornalistas realiza-se hoje, 6 de Fevereiro, para discutir a situação no grupo, onde tem vindo a ocorrer um “deterioramento das relações sindicais”.

Em declarações à agência noticiosa italiana ANSA, o director Giovanni Morandi justificou a sua decisão de proibir a reunião extraordinária dos jornalistas por não ter sido avisado da mesma com a devida antecedência.