ERC analisa denúncia de manipulação da RTP

O Conselho Regulador da Entidade Reguladora para a Comunicação Social (ERC) decidiu convocar seis jornalistas da RTP e dois assessores de imprensa do primeiro-ministro para uma audição a 9 de Novembro, na sequência da denúncia do PSD de manipulação no telejornal da emissora pública de televisão.

Os jornalistas convocados são José Alberto Carvalho, José Rodrigues dos Santos, Judite de Sousa, Carlos Daniel, João Fernando Ramos e Hélder Silva, enquanto os assessores de imprensa de José Sócrates que irão ser ouvidos quinta-feira são David Damião e Luís Bernardo.

O Conselho Regulador da ERC decidiu ainda solicitar a presença do deputado social-democrata Agostinho Branquinho, para que este preste informações adicionais às declarações que prestou ao “Expresso” de 4 de Novembro e que deram origem a estas audições.

Por terem um tema comum – acusações de manipulação do governo nos noticiários da RTP – as audições de quinta-feira serão enquadradas no procedimento que já foi iniciado a propósito do artigo “Como se faz censura em Portugal”, publicado por Eduardo Cintra Torres no jornal “Público”, devendo vir a ter uma única deliberação.