BBC anuncia mais despedimentos

A BBC vai fazer cortes no seu serviço de idiomas e despedir cerca de meia centena de trabalhadores, denuncia o sindicato britânico de jornalistas NUJ.

Com vista a conseguir verbas para um canal televisivo árabe, a BBC vai fazer reduções nos seus serviços em língua estrangeira, afectando países como a Croácia, República Checa, Bulgária, Tailândia e Cazaquistão.

O NUJ considera que o World Service da BBC “é uma parte vital do serviço público”, pelo que não pode estar sujeito a questões comerciais e sublinha que “apesar de serem bem-vindo os serviços destinados ao mundo árabe, eles não devem surgir à custa dos serviços europeus”.

Para o NUJ, a decisão da BBC – que passa por uma redução de 2,3 milhões de libras – pode mesmo lesar a imagem da influência britânica numa parte significativa da Europa.