Etiqueta: jornalistas

SJ suspende atendimento presencial a partir de 4 de novembro

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) suspende, a partir de amanhã, dia 4 de novembro, o atendimento presencial aos seus associados na sede, em Lisboa, e na Delegação Norte, no Porto, conforme as últimas orientações políticas face à pandemia de covid-19. A suspensão é temporária e durará o tempo indicado pelas autoridades. Todos os serviços continuam a ser garantidos à distância. Caso exista alguma situação que seja de todo impossível resolver dessa forma, far-se-á o atendimento presencial mediante marcação prévia. Os serviços poderão ser contactados pelos telefones habituais ou por email: Lisboa: 213464354  sj@sinjor.pt ou isildaneves@sinjor.pt; Porto: 225361211 sjnorte@sinjor.pt

Cobertura do coronavírus: dicas para Jornalistas

A escalada do coronavírus representa um desafio acrescido para os jornalistas. Deles depende uma das mais importantes armas contra a Covid-19: informação rigorosa. Mas isso também os transforma em profissionais de risco, tendo de lidar com doentes e técnicos que possam estar em perigo de contágio. Pelas funções que exercem, muitos jornalistas não podem refugiar-se em casa. Por ser uma ameaça com proporções novas e gravosas, as questões éticas relacionadas com a cobertura da pandemia revestem-se de especial importância. Para ajudar a responder aos novos desafios trazidos por uma doença contagiosa e potencialmente mortal, várias organizações internacionais têm vindo a disponibilizar informação que possa ser útil aos próprios jornalistas: desde dicas sobre a melhor forma de trabalhar à distância sem deixar de reportar sobre o essencial, até a segurança dos jornalistas na cobertura do tema ou a melhor forma de organizar as equipas de redação. Encontram aqui os links para alguns desses sites e acontecimentos dirigidos aos jornalistas: Webinar do… ler mais

Mulheres jornalistas trabalham mais horas, mas ganham e chefiam menos

As mulheres que exercem jornalismo em Portugal trabalham mais horas do que os homens, mas ganham aproximadamente menos 80 euros líquidos por mês e ocupam apenas 37% dos cargos de chefia e liderança, segundo dados de um inquérito realizado por uma equipa do ISCTE-IUL.   Descarregar versão PDF   Para assinalar o Dia Internacional da Mulher, a 8 de Março, o Sindicato dos Jornalistas (SJ) decidiu recuperar os dados do inquérito realizado por uma equipa do ISCTE para o 4.º Congresso dos Jornalistas, numa perspetiva de género. Recorde-se que, de acordo com o último grande inquérito aos jornalistas, realizado pelo ISCTE para o Congresso de 2017, 48,2% dos jornalistas são mulheres (alguns inquéritos até já lhes atribuem percentagem superior). O inquérito revela que as jornalistas têm níveis de educação superiores (54% têm licenciatura, enquanto os homens se ficam pelos 34%) e trabalham mais horas (43% trabalham entre 41 e 50 horas semanais, enquanto os homens na mesma situação são 33%… ler mais

SJ condena ação de Joacine Katar Moreira

O Sindicato dos Jornalistas ( SJ) não compreende a atitude hoje tomada pela deputada do Livre, Joacine Katar Moreira, de pedir proteção à GNR, dentro da Assembleia da República, de forma a impedir os jornalistas de a questionarem. A decisão da deputada atenta contra a liberdade de imprensa e revela uma prática anti-democrática tomada dentro da própria Casa da Democracia. Os jornalistas têm direito a exercer a sua profissão, a qual implica o acesso a fontes e protagonistas das notícias, através da colocação de perguntas. A atitude da deputada do Livre é grave e não se coaduna com o cargo para o qual foi mandatada. O SJ espera que o Presidente da Assembleia da República tome as devidas medidas para que o caso não se repita. O SJ considera, ainda, fundamental que as direções dos órgãos de comunicação social – não apenas dos diretamente visados no sucedido hoje, mas de todos, porque hoje são uns e amanhã serão outros –… ler mais

SJ solidário com trabalhadores da TSF

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) reitera  o seu  apoio à luta dos trabalhadores da TSF, que  decidiram dar um prazo  aos acionistas do Global Media Group (GMG) para  esclarecerem a anunciada reestruturação do grupo, a qual contestam, a situação financeira do mesmo, os motivos que levaram à demissão do diretor da rádio, Arsénio Reis, e ainda o plano traçado para o futuro da rádio.   Findo esse prazo, os trabalhadores admitem recorrer a diversas formas de luta, incluindo a greve. A decisão,  tomada em plenário  a 15 de novembro, decorreu da “instabilidade criada com a referida reestruturação do GMG, ao qual pertence a TSF, agravada por atrasos no pagamento de salários a trabalhadores efetivos e colaboradores” e ainda da falta de informações claras e concretas sobre todas estas questões. O SJ está solidário com os trabalhadores da TSF, lembrando que acompanha, desde o final de 2018,  a situação dos restantes trabalhadores do Global Media Group, reiterando  a sua total disponibilidade para os continuar a apoiar e a defender.… ler mais

Grande maioria dos assassínios de jornalistas fica impune

Cerca de 90 por cento dos responsáveis por assassínios de jornalistas registados entre 2006 e 2018, em todo o mundo, nunca foram punidos, segundo a agência da Organização das Nações Unidas para a Cultura, a Educação e Ciência (UNESCO). O relatório da UNESCO – publicado no âmbito da jornada internacional para o fim da impunidade para os crimes cometidos contra jornalistas, que se assinala a 2 de novembro – contabiliza 1.109 jornalistas assassinados no mesmo período, apontando os Estados árabes como o espaço geográfico onde se registaram mais mortes, representando 30 por cento do total, seguindo-se América Latina e Caraíbas (26%) e Ásia-Pacífico (24%). O relatório refere ainda que os jornalistas locais que trabalham temas relacionados com corrupção e política representam 93 por cento dos assassínios dos últimos dez anos. Ao mesmo tempo, destaca-se que este tipo de crime aumentou 18 por cento entre 2014 e 2018, face aos cinco anos precedentes. A propósito do mesmo tema, a Federação Internacional… ler mais

Teresa Abecasis, Bruna Soares e estudantes da Lusófona vencem Prémio de Jornalismo Fernando de Sousa

Teresa Abecasis, Bruna Soares e estudantes da Universidade Lusófona do Porto são as vencedoras da terceira edição do Prémio de Jornalismo Fernando de Sousa, organizado pela Representação da Comissão Europeia em Portugal, e de cujo júri o Sindicato dos Jornalistas faz parte. A cerimónia de entrega, que contou com o comissário europeu Carlos Moedas, decorreu hoje, no NewsMuseum, em Sintra. A jornalista Teresa Abecassis foi distinguida, na categoria Nacional, pela reportagem “Polónia: a liberdade de expressão está a passar à clandestinidade?", publicada no Público. Na categoria Regional, venceu a jornalista Bruna Soares, com a reportagem "Buinho: Messejana tem uma residência criativa onde existe o único fablab do Baixo Alentejo", publicada no Diário do Alentejo. As vencedoras da categoria Estudante foram três alunas da Universidade Lusófona do Porto, Ana Patrício, Patrícia Dias e Ana Luísa do Vale, com o trabalho académico em formato podcast “Erasmus na Ponta da Língua”. O júri recomendou ainda a atribuição de uma menção honrosa aos jornalistas… ler mais

Presidente tenta “encontrar soluções” para Global Media Group

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, "tem vindo a acompanhar toda a situação" no Global Media Group "há já vários meses" e compromete-se, "dentro dos poderes que lhe estão atribuídos", a fazer "todos os possíveis para encontrar soluções para os problemas" do grupo comunicação social. Esta tomada de posição surge depois de o Sindicato dos Jornalistas (SJ), mandatado pelos trabalhadores do jornal O Jogo, que se reuniram em plenário no dia 4 de julho de 2019 , ter voltado a alertar o Presidente da República para a situação que se vive no Global Media Group (GMG), com a anunciada reestruturação e despedimentos, devido à alegada situação financeira deficitária.   Os trabalhadores - de O Jogo e dos outros órgãos de informação do grupo, que detém também DN, JN e TSF, entre outros - desconhecem o atual estado da empresa e as medidas que os órgãos de gestão se propõem tomar,  apesar das várias tentativas para obterem informação e… ler mais