Redacção do “Gazzettino” fez greve

A redacção do diário italiano “Gazzettino” cumpriu dois dias de greve, a 6 e 7 de Maio, na defesa dos direitos sindicais e profissionais dos jornalistas e do bom nome da redacção, posto em causa por comportamentos graves da direcção, anunciou a Federação Nacional da Imprensa Italiana (FNSI).

Com mais esta paralisação, ascendem a 14 os dias de greve neste jornal no espaço de quatro anos, o que levou a junta executiva da FNSI a solicitar uma reunião com a Federação Italiana dos Editores (FIEG) para discutir a situação no “Gazzettino”.

No dia anterior à greve, o director do jornal fez publicar uma entrevista ao presidente da editorial Il Gazzettino, que já havia saído a 27 de Março, onde se enfatiza os resultados do balanço da empresa.

Além disso, a direcção tem feito também publicar nas “cartas do leitores” alguns comentários lesivos do profissionalismo dos jornalistas, mas assinados por leitores inexistentes.