Jornalistas da RDP apoiam greve de dia 10

Os jornalistas da RDP decidiram, em plenário, apoiar a greve convocada para de 10 de Dezembro pelo Sindicato dos Jornalistas (SJ), juntando-se ao vasto movimento de protesto contra a aprovação do Código do Trabalho.… Ler mais

Sindicato surpreendido com reacção da AID

O Sindicato dos Jornalistas (SJ) estranha a reacção da Associação de Imprensa Diária (AID) ao pré-aviso de greve e lembra que os motivos da paralisação de dia 10 nada têm a ver com o acordo celebrado este ano em sede de conciliação.… Ler mais

Grande adesão ao abaixo-assinado do SJ

O Sindicato dos Jornalistas lançou um abaixo-assinado, em 30 de Novembro, condenando as consequências que o Código do Trabalho terá na precariedade do emprego e na perda de direitos dos trabalhadores. Centenas de assinaturas foram já recolhidas nas empresas do sector. O abaixo-assinado pode também ser subscrito neste sítio.… Ler mais

O dia inicial, inteiro e limpo*

O sítio do SJ na Internet foi apresentado em 6 de Março de 2002 numa sessão de lançamento realizada na Casa da Imprensa. Nessa oportunidade, o respectivo editor, Acácio Barradas, vice-presidente da Direcção do Sindicato com o pelouro da Informação, utilizou a natividade como metáfora para exprimir o carácter festivo do acontecimento, fazendo uma viagem pelo mapa que configura este novo instrumento de comunicação entre jornalistas e a sociedade em geral.… Ler mais

Declaração do 1º Congresso

A manutenção do sector público enquanto garantia de uma informação pluralista, independente e isenta, a rejeição de todas as formas de pressão económica, o apoio à criação do ensino superior de jornalismo e a defesa de um Nova Ordem Internacional da Informação foram algumas das ideias-chave da Declaração aprovada no final do 1.º Congresso dos Jornalistas Portugueses.… Ler mais

Conclusões do 1º Congresso

Entre as conclusões do 1.º Congresso dos Jornalistas Portugueses destacam-se: o reconhecimento da independência como atributo essencial do jornalista, a necessidade de reforçar os poderes dos conselhos de redacção, a disposição de combater os contratos a prazo, a realização de acções para conferir força legal ao Código Deontológico, a defesa da integração dos cartunistas na classe jornalística.… Ler mais

Resolução do 2º Congresso

A Resolução aprovada no final do 2.º Congresso dos Jornalistas defendeu a criação de um novo Código Deontológico, determinando no entanto que o mesmo «só deverá prever sanções de natureza moral, cuja aplicação será confiada a um Conselho Deontológico eleito por todos os jornalistas». Foram ainda exaradas recomendações em matéria de acesso à profissão e quanto à carteira profissional.… Ler mais

Relatório-síntese do 2º Congresso

Além da resolução que consubstanciou as conclusões do 2.º Congresso dos Jornalistas Portugueses, foi elaborado um Relatório-síntese dos debates, no qual foram abordados outros assuntos directa ou indirectamente relacionados com o tema «Deontologia», a fim de servirem de base à pretendida reformulação do Código Deontológico dos Jornalistas e para futuras acções do SJ.… Ler mais

Resolução do 3º Congresso

Entre os 14 pontos que sintetizam as conclusões do 3.º Congresso dos Jornalistas Portugueses, figuram as seguintes questões: reforço de autonomia e representatividade do Conselho Deontológico, acesso à profissão, atribuição dos títulos profissionais, trabalho precário, exploração de estagiários, reforço dos poderes dos conselhos de redacção, efeitos do segredo de justiça, novas tecnologias, etc.… Ler mais

Relatório final do 3º Congresso

A par da resolução consubstanciadora das conclusões, o 3.º Congresso dos Jornalistas Portugueses apresentou um Relatório Final em que se explanaram as ideias apresentadas e debatidas no decorrer das sessões de trabalho dos vários paineis, bem como as informações de dois documentos que contribuiram para fazer uma espécie de radiografia da classe jornalística em Portugal.… Ler mais

Os três Congressos de Jornalistas

«Liberdade de expressão, expressão da liberdade», «Deontologia» e «Jornalismo real, jornalismo virtual», foram os lemas que caracterizaram os três Congressos de Jornalistas Portugueses que o SJ tomou a iniciativa de promover em 1983, 1986 e 1998. Abertos a todos os jornalistas, fossem ou não sindicalizados, esses congressos constituiram grandes manifestações da capacidade dos jornalistas para reflectirem sobre o seu papel na sociedade.… Ler mais

Marcos históricos na vida do SJ

A vida do Sindicato dos Jornalistas tem sido pautada pela defesa dos interesses dos seus associados, através de um trabalho persistente de que ressaltam alguns marcos históricos.… Ler mais

«Dona Wanda», uma colaboradora inesquecível

Jornalista que tenha entrado na profissão até aos anos 90 saberá inevitavelmente o que significa o nome de «Dona Wanda», a figurinha amável e delicada que durante meio século serviu a classe dos jornalistas sem mostrar preferência por nenhum, pois de todos cuidava como se fossem seus filhos. Aqui se presta homenagem a essa grande senhora, que exerceu exemplarmente o cargo de chefe dos Serviços do SJ.… Ler mais

A saúde dos jornalistas

O subsistema de saúde de que os jornalistas beneficiam – e que é o mais compatível com a sua profissão – tem sido por vezes acusado de elitista e gravoso. Para demonstrar que não é verdade, pois o subsistema paga-se a si próprio e ainda contribui para o orçamento da Segurança Social, o jornalista Sérgio Figueiredo elaborou, em 1999, o estudo «Quanto Custa a Saúde dos Jornalistas», que reproduzimos em anexo.… Ler mais

Corpos Gerentes desde 1934

Desde 1934 até à actualidade, aqui se registam (por ordem cronológica inversa) os nomes e os cargos de quantos exerceram funções nos corpos gerentes do Sindicato dos Jornalistas, desde a sua fundação. Como se verá, o número de dirigentes foi crescendo com o tempo e muitos deles participaram em vários mandatos.… Ler mais