Manifestação em Moscovo recorda Anna Politkovskaya

Quatrocentas pessoas manifestaram-se a 7 de Abril na Praça Pushkin, em Moscovo, para relembrar o assassinato, há seis meses, da jornalista de investigação Anna Politkovskaya. A iniciativa teve como objectivo pressionar as autoridades para que a investigação deste crime tenha resultados concretos.

Alguns dos manifestantes presentes empunhavam cartazes com mensagens como “Quem mandou matar Politkovskaya?” ou “O preço da verdade é a morte”. O discurso proferido por Grigory Iavlinsky, líder do partido da oposição Yabloko, sublinhou o sentido das mensagens ao afirmar que, se a justiça continuar a falhar na punição de quem mata jornalistas, a Rússia continuará a ser um lugar perigoso para quem diz a verdade.