Campanha em defesa do acesso à informação no Reino Unido

O semanário britânico Press Gazette lançou uma petição online pela defesa do Freedom of Information Act (FoI), uma lei que permite aos jornalistas aceder a informação anteriormente mantida em segredo pelas autoridades e que está em risco de ver o seu âmbito reduzido pelo governo, que a considera demasiado dispendiosa.

A petição é apoiada pelo Sindicato Nacional dos Jornalistas britânico (NUJ), em nome das futuras gerações de jornalistas, as quais “nunca perdoarão aos jornalistas actuais” se estes permitirem que se perca uma ferramenta tão importante para descobrir informação de interesse público.

“Se permitirmos que esta lei seja enfraquecida desta forma, isso será mau para os jornalistas e para a democracia. O dinheiro que o governo alega querer poupar é uma economia falsa se arruinar o nosso direito a um governo aberto e fechar a porta ao direito do público à informação”, afirmou o secretário-geral do NUJ, Jeremy Dear.

A petição será entregue ao governo britânico antes de 8 de Março, último dia do período de consulta, sendo que a proposta de alteração à lei poderá vir a entrar em vigor a 19 de Março, caso seja aprovada.