Autoridades russas confiscam passaporte a jornalista

O jornalista russo Mikhail Afanassiev, vencedor do Prémio Sakharov da Glasnost Defence Foundation, viu o seu passaporte confiscado pelas autoridades russas, o que o impede de viajar até Moscovo para receber o galardão.

Perante este cenário, a Fundação está a ponderar o envio de representantes a Abakan, na região autónoma da Khakassia, onde o jornalista esteve detido durante três dias, entre 9 e 11 de Dezembro, sob a acusação de difamação, que ainda pende sobre ele.