SEXTA-FEIRA
15 de Dezembro de 2017 | 18:02

SJ faz apelo à regularização de precários na RTP e na Lusa

Publicado a 08/08/2017 NOTÍCIAS

Candidataram-se ao PREVPAP 344 trabalhadores na RTP e 48 na Agência Lusa.


O Sindicato dos Jornalistas (SJ) apela à regularização dos quase 400 trabalhadores com vínculos precários na RTP e na Lusa, entre os quais muitos jornalistas, que se candidataram ao Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP).

A primeira fase do trabalho da Comissão Bilateral do Ministério da Cultura, constituída no âmbito do PREVPAP, terminou hoje, 8 de agosto.

Até 30 de junho, o Ministério da Cultura recebeu 392 candidaturas de trabalhadores com vínculos precários, 344 com origem na Rádio e Televisão de Portugal (RTP) e 48 oriundas da Lusa – Agência de Notícias de Portugal.

Na tutela do Ministério da Cultura, os precários da RTP constituem o maior número de inscritos no PREVPAP.

A Comissão Bilateral está agora a proceder à análise das candidaturas, não tendo ainda começado a examinar os processos do setor da comunicação social.

O SJ espera que, a partir de setembro, sejam analisados todos os processos. E recorda que, durante uma audiência no passado mês de junho, o ministro do Trabalho e da Segurança Social, Vieira da Silva, garantiu que os processos do PREVPAP com origem em empresas do setor público do Estado deverão estar concluídos no primeiro trimestre de 2018.

Versão para Imprimir